Dúvidas
1. Qualquer pessoa pode doar sangue?

NÃO. Existem critérios, definidos por Lei, para que uma pessoa possa doar sangue. Estes critérios garantem a saúde do doador e a segurança do sangue para o receptor. Por isto, a equipe do Serviço de Hemoterapia conta com profissionais habilitados para avaliar cada candidato.

2. É verdade que em alguns casos serei impedido de doar?

SIM. Algumas condições impossibilitam a doação temporariamente, sendo que após o período estabelecido, o candidato poderá retornar ao Serviço de Hemoterapia para ser doador. As mais comuns são o uso de antibióticos, estado gripal intenso e ingestão de bebidas alcoólicas nas 12h que antecedem a doação.
Em outros casos, a inaptidão é definitiva, pois poderá colocar em risco a saúde do doador ou a segurança do receptor. É o caso dos diabéticos dependentes de insulina (risco ao doador), portadores de asma com crises constantes (risco ao doador) e alguns comportamentos sociais e sexuais que possam estar ligados à transmissão de doenças graves (risco ao receptor).

3. Doar sangue causa danos à minha saúde?

NÃO. O volume de sangue retirado em uma doação é calculado de acordo com o volume sanguíneo de cada candidato. Estes valores foram determinados após inúmeras pesquisas, para garantir a saúde do doador. O volume retirado é totalmente recuperado após 24h sendo que os demais componentes do sangue são repostos gradativamente.

4. É verdade que uma única doação pode salvar 3 vidas?

SIM. Com técnicas adequadas de processamento, uma única doação gera, no mínimo, 3 componentes: Concentrado de Hemácias, Concentrado de Plaquetas e Plasma Fresco Congelado. Em ocasiões específicas um quarto produto, o Crioprecipitado, pode ser obtido.

5. Existem medicamentos que substituem o sangue?

NÃO. Apesar das buscas e pesquisas constantes, nenhum medicamento pode substituir as funções do sangue e seus componentes.

6. É verdade que demora cerca de 15 minutos para doar sangue?

SIM. O procedimento da doação não deve ultrapassar 15 minutos. Entretanto, todo o processo (cadastro, entrevista clínica e doação) leva entre 50 – 60 minutos.
 
7. Preciso estar em jejum para doar sangue?

NÃO. Antes de doar, todo candidato deve se alimentar normalmente. Evite alimentos gordurosos 3h antes da doação.

8. É verdade que o receptor não sabe quem é o doador?

SIM. A partir da entrevista clínica, TODAS as informações sobre o doador são sigilosas. O Serviço de Hemoterapia utiliza um sistema com segurança idêntica aos sites de bancos e lojas virtuais e somente o profissional que o entrevistou terá acesso a estas informações.

9. Posso continuar trabalhando após a doação?

Todo doador deve evitar exercícios físicos e atividades que exijam alto grau de concentração. Trabalhadores que executem atividades de risco não devem voltar ao trabalho, pois possuem risco aumentado de acidentes.

10. Todo material utilizado na doação é descartável?

SIM. TODOS os materiais utilizados para coletar o seu sangue são novos e descartáveis, além de utilizarmos bolsas e equipamentos de coleta da melhor qualidade e que atendem a TODOS os requisitos e especificações da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA).